sexta-feira, 6 de setembro de 2013

Exposição "A Arte dos Quimonos"

Fui recentemente a uma exposição pequena, mas maravilhosa, que ficou em cartaz no Palácio Bandeirantes, sede do Governo Estadual Paulista, sobre a lindíssima arte dos quimonos japoneses.
A tradição milenar dos quimonos é uma das muitas que compõem a vida cultural e histórica do Japão, traduzindo em arte as cores, as estações do ano, as flores, os animais e também a hierarquia japonesa.
O quimono e composto basicamente por tecidos recortados de forma retangular, que são depois costurados. Seu design é neutro e a diferença entre os quimonos usados por homens e mulheres não é nem a silhueta e nem a forma, mas as cores, os tecidos e as estampas. Os quimonos das mulheres, criados como obras de arte, foram os escolhidos para serem exibidos nessa exposição, que mostrava uma pequena parcela do precioso acervo do Museu Histórico da Imigração Japonesa. A seleção das pelas foi realizada reunindo 8 conjuntos de três quimonos com as mesmas características de uso, temas, padrões, texturas e bordados, apresentados em suportes tradicionais que os deixavam abertos, permitindo-nos que os víssemos como pinturas. No Japão as estações do ano são extremamente definidas. O verão é quente e úmido; o inverno tem muita neve; a primavera é uma explosão de cores e perfumes e ou outono é uma sinfonia do dourado ao vermelho. Por isso, as cores, tecidos e estampas dos quimonos são trocados de acordo com cada estação. Para mostrar essas diferenças, quatro quimonos foram apresentados em manequins, para que os visitantes os vissem vestidos e com os complementos e acessórios como o "obi" (faixa da cintura) e o "Musubi" (laço). Completam a mostra um traje de casamento e o famoso quimono das sete camadas - usado na corte japonesa no período de 974 a 1185.
Algumas fotos estou postando aqui mesmo, no blog! Para quem quiser ver todas as fotos que tirei da exposição, cliquem aqui no meu flickr!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário