sexta-feira, 19 de julho de 2013

O significado das cores - VERDE

Hoje a cor escolhida é o VERDE!!!!! Para nos preparar para o fim de semana, uma vez que os tons de verde inspiram uma pausa para recuperar a energia. Relaxam e, em seguida, renovam os ânimos. Quando aparecem em alimentos em grãos, acabam sendo a mais pura representação de fertilidade e crescimento. Devemos às plantas o oxigênio que nos mantém vivos. O poder restaurador do verde dá o sentido de esperança, purificação e abundância. Reduz a tensão, ajuda na recuperação de infecções e na solução de problemas emocionais. Ótimo para períodos de crise!
No início, os antigos associavam o verde ao ar. No momento em que se casou com a água remonta ao século XV, quando a cor passou a ser designada para acompanhar o elemento líquido, um dos quatro elementos essenciais que compõem o Universo: água, terra, fogo e ar.
O verde da água já era adotado pela tradição chinesa em oposição ao vermelho do fogo. Enquanto o primeiro representa a energia yin, introspectiva e feminina, o segundo traz a força yang, impulsiva e masculina. Também na mitologia greco-romana, a associação do verde com a água é explícita. Tudo o que estava relacionado aos deuses marítimos tomava a cor verde emprestada.
Mais do que lembrança das águas, há também uma questão física que faz o verde fluir dos olhos para alma. Segundo os estudiosos, é na percepção desse matiz que a retina encontra seu ponto de maior sensibilidade.
Pense em algo verde e naturalmente imagens de florestas, jardins, folhas e campos virão à sua mente. Daí os sentidos se aquietarem - a respiração até se aprofunda, como se uma porção de ar puro viesse com os cenários verdejantes. Só por essa lembrança arejado, os verdes já são um bálsamo nas cidades de concreto dos tempos modernos. Eles atuam no inconsciente, pedindo e obtendo uma pausa frente ao desgaste cotidiano.
Qualquer que seja o tom de verde (e existem muitos: verde bandeira, verde água, verde azulado, verde esmeralda, verde jade.....) ele está sempre associado à esperança - um antídoto perfeito contra os momentos de stress e estagnação.
Toda cor tem um poder associado a símbolos e seu impacto sobre nós depende de experiências anteriores. Como o verde está intimamente ligado à natureza, o estímulo desperta o sentimento de conforto. No centro do espectro cromático, entre o azul e o amarelo, o verde pontua o equilíbrio entre as cores quentes e as cores frias, entre introversão e extroversão. É calmante e ao mesmo tempo energético.
Vamos então brindar o final de semana com essa cor tão maravilhosa???

Fonte: Revista O Poder das Cores - Edição Especial da Revista Bons Fluídos - Editora Abril
Fotos: Atelier Mônica de Godoi

Nenhum comentário:

Postar um comentário